top of page
Post

12. “Catarina, minha nêga” (“Ora, fia o fuso”)(s.d.) v00-cap03-12

Letra e música: autores desconhecidos.


Interprete: Banda de Congo de São Pedro de Jacaraípe. Gravação independente. Letra e partitura em EC.

Catarina, minha nega Teu sinhô te qué vendê, Pra mandá pro rio Doce Para nunca mais te vê (bis)


- Ora fia o fuso!


- Ô Iaiá, tô fiando...


- Ora fia o fuso!


- Ô Iaiá, tô fiando...


Quando eu aqui cheguei Que eu olhei para as filêra Viva o nosso presidente E a bandeira brasileira (bis)

- Ora, fia o fuso! ...


Sem a luz pra me acendê


Sem a amada me querê


Quando o generá quisé


(..............) eu vô morrê (bis)


- Ora, fia o fuso! ...


Atrás de suas passadas, Meus olhos chorando vão É como soldado na praça Atrás do seu capitão! (bis)


- Ora, fia o fuso! ...


Catarina, minha nega,


Me fia esse algodão


Que esse rapazes de agora


Só prometem mas não dão (bis)


- Ora, fia o fuso! ...


Catarina, minha nega


Teu sinhô te qué vendê,


Pra mandá pro rio Doce


Para nunca mais te vê. (bis)


- Ora, fia o fuso! ...

Comments


bottom of page