30.A baixa do café-v1-cap3-m30

30. “A baixa do café” (1936). Moda de viola

Autores: Alvarenga, Ranchinho e Ariovaldo Pires. Intérpretes: Alvarenga, Ranchinho e Capitão Furtado. Gravadora: Odeon.

CAPITÃO FURTADO: Cof, cof, cof (tosse fraca)

ALVARENGA: Uai, Capitão Furtado, que tossinha mais esquisita é essa ? Mecê parece que nos tempos de dantes tossia mais grosso.

CAPITÃO FURTADO: É, devera.

ALVARENGA: E o que foi isso, Capitão?

CAPITÃO FURTADO: É, foi a baixa do café! Ah, quando eu se alembro do tempo do café arto que eu saia na porta do terrero, oiava meus fazendão que era uma beleza, eu então empolava o peito e tossia assim COF COF (tosse alto e grosso) Mas o diabo do café deu a baixa, caiu. Minha fazenda deixou de ser fazenda, até parece aquele sítio. Vivo quieto por aí, deixei de falar alto, tudo isso é farta de administração. Inté minhas calça perdi, ...................... ficou.

ALVARENGA : E foi o diabo, a família do Ranchinho também ficou na imbira com a tar de baixa do café

RANCHINHO : E a família do Alvarenga, também não ficou muito boa, não. Tanto ansim que tiramo da baixa do café e nóis enunciamo uma moda título, num foi?

CAPITÃO FURTADO : É? Intão canta essa moda aí, eu quero só vê se ficaro boa mesmo essa moda.

O café já deu a baixa, no mercado (no estrangeiro)

Não se vende mais café, acabo-se o fazendeiro

Com a baixa do café, (cabô ganho em descarrego)

Esse mundo tá perdido com a baixa do café

Quem comia de faca e garfo hoje come de colher

Quem andava de automóvel hoje anda de a pé

Quem chamava Seu Zequinha hoje chama Seu José

Quem fumava só charuto, só cigarro de papé

Quem andava de Buick hoje anda de Chevrolet

Quem era general abaixou pra coroné

Quem morava em São Paulo hoje mora em Taubaté

Quem usava meia fina hoje não tem meia no pé

Quem comia na pensão hoje o armoço é paster

Quem andava de chapéu hoje anda de boné

Quem estava pra se casar inté que ficô sem mulher

Quem era fazendeiro cabô catano papér

Quem mandava era os hôme, hoje quem manda é as muié

A causa dessa mudança foi a baixa do café.