95.Proteção-v2-cap-08-m95

95. “Proteção”(1984).

Autor: Philippe Seabra. Intérprete: Plebe Rude. Gravadora: Coronado/EMI-Odeon. Mini-LP: O concreto já rachou (1985).


Será verdade, será que não Nada do que eu posso falar E tudo isso pra sua proteção Nada do que eu posso falar

A PM na rua, a guarda nacional Nosso medo sua arma, a coisa não tá mal A instituição está aí pra nossa proteção Pra sua proteção

Tanques lá fora, exército de plantão Apontados aqui pro interior E tudo isso pra sua proteção Pro governo poder se impor A PM na rua, o nosso medo de viver O consolo é que eles vão me proteger A única pergunta é: me proteger do que? Sou a minoria mas pelo menos falo o que quero apesar da repressão É para sua proteção É para sua proteção

Tropas de choque, PMs armados Mantêm o povo no seu lugar Mas logo é preso, ideologia marcada Se alguém quiser se rebelar Oposição reprimida, radicais calados

Toda angústia do povo é silenciada Tudo pra manter a boa imagem do Estado Sou a minoria mas pelo menos falo o que quero apesar da repressão É para sua proteção É para sua proteção Armas polidas e canos esquentam Esperando pra sua função

Exército bravo e o governa lamenta Que o povo aprendeu a dizer ‘não’ Até quando o Brasil vai poder suportar? Código Penal não deixa o povo rebelar

A autarquia baseada em armas não dá! E tudo isso é para sua segurança. Para sua segurança