105.Passeio público-v2-cap07-m105

105. “Passeio público” (1976).

Autor: Ednardo. Intérprete: Idem. Gravadora: RCA Victor. LP: Berro.

Hoje ao passar pelos lados

Das brancas paredes, paredes do forte

Escuto ganidos, ganidos, ganidos, ganidos

Ganidos de morte

Vindos daquela janela

É Bárbara, tenho certeza

É Bárbara, sei que é ela

Que de dentro da fortaleza

Por seus filhos e irmãos

Joga gemidos, gemidos no ar

Que sonhos tão loucos, tão loucos, tão loucos

Tão loucos foi Bárbara sonhar

Hoje ao passar pelos lados ...

Se deixe ficar por instantes

À sombra desse baobá

Que virão fantasmas errantes

De sonhos eternos falar

Amigo que desces a rua

Não te assustes, não passes distante

Procura entender, entender

Entender o segredo

Desse peito sangrante