08.América, América-v2-anexo-07-m08

8. “América, América” (1968), MPB.

Autor: César Roldão Vieira. Intérprete: César Roldão Vieira e conjunto Opus 4. Gravadora: RGE. Compacto simples.

Descendo da montanha

Um rio corta a terra estranha

E rompe

América, América

América, América

Um grito de revolta

Para o céu

A selva solta

Minha América, América

América, América

O canto da arara

Cobre a tristeza derradeira

De quem só a última lua viu

E se sumindo pela cordilheira

Ou talvez no colo de América

Esteja a dormir

As flores do meu vale

Vão se abrir

Cheirando sangue

Viva América, América

América, América

O pássaro ferido

Que não pode abrir as asas

Inda vai voar

(América...)

Porque não morreu

(América...)

E quando essa noite

Se transformar em madrugada

Do leito de cinzas

Vai retornar pra sua amada

América, América...

América, América...

América, América

América, América...

América …