22.Sem terra-v3-cap-10-m22

22. “Sem terra” (1996).

Autores: Samuel Rosa e Chico Amaral. Intérprete: Skank. Gravadora: Sony. CD: Samba Poconé.

Aurili bon bonga a cobra vai pular Aurili bon bonga permiso, êêêêêê!

Tenente Gama estará na barra do Brooklin atento Zé da Navalha na boca do rio Urutu Quatro patrulhas vão cobrindo os quatro horizontes Nego DJ Adílio leva o rádio Eles pitimbam, negarfam, então hão de ter Bate o bongô, drum machine, bate o xequerê Batecumã nego véi de guerra Colono branco e a lua estratagema

Aurilibilim bagé pajé pai chamou No cabo do teletrônico mensageou

Na terra dos sem terra A barra vai pesar Quem ignorar erra Quem quer ignorar

Sofrer o baque todos eles já sofreram No Paraná, no Pará, no Espírito Santo Bate imigrante nego véio de guerra

Quebratabaque o atraso, o quebranto

Na terra dos sem terra ...