top of page
Post

23.O teu futuro espelha essa grandeza-v3-anexo-09-m23

Nossas praias

Tem mais latas

Mais mulatas, matas virgens

Nossos desertos cada vez mais perto

Nosso destino menino a viver de chicletes

Mentex, quentlex

Aquarelas o tempo amarela

Fontes secam em silêncio

Emudecem todos os pandeiros

Paciente adeus

E um garoto pobre o que é que pode?

Banda de rock cair no pagode

Quando rola o ronco da barriga

É um três oitão na mão

Aids, apartheid nas cidades

Putrefatas, mal cheirosas

Tão sestrosa outrora a vida passa

Já senhora decadente

Nas Brasílias da miséria, roda

Sua bolsa, como pode

Hedonistas do país, uni-vos

Ai meu Brasil, que se perdeu

Sem conhecer um apogeu

Esses solos tão férteis

Esses campos tão meus

Quem abençoou foi Deus

Foi Deus, foi Deus


Opmerkingen


bottom of page