28.Bateram no boi-v1-cap06-m28

28. “Bateram no boi” (1957), samba.

Autor e intérprete: Alberto Ribeiro. Gravadora: Continental. Álbum: “Aviso aos Navegantes”.

Bateram no boi

Não houve nada

Tornaram a bater

Não houve nada

O boi vai cansar

De tanta pancada

No dia que se zangar

Dá-se o estouro da boiada

O boi não sabe

A força que ele tem

Porque se ele soubesse

Não respeitava ninguém

O boi é manso

Trabalha e sofre calado

Mas cuidado que o boi manso

Já está ficando zangado.