38.Descobrimos lá na base-v3-cap-10-m38

38. “Descobrimos lá na base” (1998).

Autor: Zé Pinto. Intérprete: Nil Bernardes. Gravação especial do MST. CD: Arte em movimento (2002).

Descobrimos lá na base

Que a tal da reforma agrária

Do papel não vai sair

Pelo pedaço de chão

Pra colher o nosso pão

Vamos ter que nos unir

Companheiro e companheira

Vitória vai ser ligeira

Se todos se organizarem

A gente faz acampamento

Tira pão para o sustento

E reforma agrária é pra já

E vamos entrar naquela terra e não vamos sair

Nosso lema é ocupar, resistir e produzir

A gente faz caravana

Arrisca entrar em cana

Mas tem que ser por aí

Sindicatos combativos

Isso tudo é preciso

Para a luta prosseguir

A classe trabalhadora

Que é a mais sofredora

Já começa a perceber

Que nós somos maioria

E que vai chegar o dia

Com um novo amanhecer

Pelo fim do latifúndio

Chega João, chega Raimundo

Isso vai ter que mudar

Nessa América Latina

Será que a nossa sina

Vai ser sofrer sem parar

Mas eu nisso não acredito

Por isso eu tenho dito

Vamos todos dar as mãos

É a força popular

Levantando essa bandeira

Reforma agrária é no chão

E vamos entrar naquela terra e não vamos sair ...

Se for dura essa parada

A gente pega na marra

Não dá pra ser diferente

Pois os homens têm dinheiro

Compram armas no estrangeiro

Pra poder matar a gente

Contra esse capitalismo

Vamos firmes, decididos

Não deixar pra outra hora

É a classe organizada

Passo a passo nesta estrada

Construindo a sua história

E vamos entrar naquela terra e não vamos sair ...