56.Bendito seja o Mobral-v2-cap07-m56

56. “Bendito seja o Mobral” (1971).

Autores: Tonico, Tinoco e José Caetano Erba. Intérpretes: Tonico e Tinoco. Gravadora: Caboclo/Continental. LP: Azul cor de anil.

O cabocro roceiro e pacato,


Estudante da escola rural,


Traz nos olhos o verde do mato


E no peito o diploma Mobral.



Brasil é feliz agora,


Alcançou seu ideal,


Com a luz da nova aurora,


Bendito seja o Mobral. 



Escolinha modesta da roça,


Rodeada de pés de café,


O Brasil se levanta e remoça,


Numa nova alvorada de fé.



Brasil é feliz agora...



Na cidade se pranta edifício,


No sertão nóis prantamo semente,


De mão dada não há sacrifício,

Elevando o Brasil para frente.



Brasil é feliz agora...