60.Quinhentos anos de história-v3-cap-10-m60

60. “Quinhentos anos de história” (1998).

Autor: Fauzi Beydoun. Intérprete: Tribo de Jah. Gravadora: Indie Records. CD: Reggae na estrada.

500 anos de história

Se não me falha a memória

Não há muito que comemorar

Melhor que se investir de glórias ilusórias

É se por em seu devido lugar

Os anos e danos da colonização

Índios dizimados, a escravidão

Ainda hoje se fazem lembrar

De que vale ter riquezas em demasia


No mundo ser a oitava economia

Se poucos podem desfrutar

A educação entre as piores do Terceiro Mundo

A saúde é um poço profundo

(que humilhação)

Onde se lança a sorte da população

A dignidade não se irá conquistar

Nem com dez copas mundiais

Se a injustiça é a premissa da ordem a nos desgovernar

Com a ditadura sem compostura de quem pode mais

O salário mínimo é um salário mísero

O máximo da hipocrisia

(Tente Sr. Presidente, passar ao menos um

dia com um salário tão indecente)

É uma afronta à cidadania

Aos direitos do cidadão

Do trabalhador, da família

Uma verdadeira agressão

A justiça omissa e submissa

Poderosos imunes à punição

(A impunidade é uma crônica enfermidade

Que corrói o corpo da sociedade

Assim como a corrupção

Sem falar no fisiologismo

Na politicagem e no banditismo

De um capitalismo selvagem

Sem lei e sem restrição